O Segredo Que os Coaches Sabem Sobre Mudança de Comportamento | Carreiras & Oportunidades

O Segredo Que os Coaches Sabem Sobre Mudança de Comportamento



 

O Segredo Que os Coaches Sabem Sobre Mudança de Comportamento




Mudar comportamento é difícil?

 

 

Você tem interesse em começar a aprender a mudar comportamento com mais rapidez no aprendizado, você tem interesse em otimizar o tempo e os seus recursos, com um modo organizado de ações, então continue lendo este artigo que eu vou te dizer exatamente como pessoas conseguiram fazer isso, como empresários, gestores e esportistas conseguiram fazer isso.

 

Este é o modo de aprendizado do jogo interior, criado por Timothy Gallwey, o precursor do coaching. Tem muitas pessoas, muitos profissionais  usando, tem muitas empresas que estão utilizando esse método. 



No processo comum de aprendizado, primeiro, geralmente se faz para si mesmo em tom punitivo e depreciativo crítica ou julgamento do comportamento passado indesejado. Em seguida, também se diz: “vou esforçar-me mais da próxima vez”.

 

Ao esforçar-se mais para fazer a coisa bem feita, o EGO 1 (instrutor consciente, a mente-ego  - julgadora) tendo dito ao EGO 2 (o corpo físico, incluindo o cérebro, o banco de memória (consciente e inconsciente) e o sistema nervoso – realizador inconsciente automático), procura controlar a ação. Sem confiar no EGO 2.

 

Quando você se esforça para fazer algo corretamente é difícil não ficar excitado com o sucesso ou frustrado com o fracasso. Tanto o pensamento positivo como o negativo impedem a espontaneidade.

 

 

4 ESTÁGIOS DO MODO DE APRENDIZADO DO JOGO INTERIOR

 

1 – Como você reage em relação ao seu comportamento?

 

Em vez de criticar ou julgar o comportamento passado, observe o comportamento existente sem julgar, diga tudo para si mesmo num tom interessado, mas sem tensão ou esforço.




2 – O que você fará da próxima vez? Como você gostaria de ter se comportado / sentido / agido em tal situação? O que você gostaria de realizar? Coloque-se no futuro agora...

 

Em vez de dizer “vou esforçar-me mais da próxima vez”, peça a si mesmo, ao EGO 2, para mudar, programando-se com imagens visuais e sensações (aqui é a hora do Ego 1, instrutor consciente, desempenhar o seu verdadeiro papel). Deixe de usar comandos. 

 

3 – Como você assume o controle da situação?

 

 

Em vez de procurar fazer a coisa bem feita, deixe acontecer / deixe ir. Deixe que o EGO 2 (realizador inconsciente) aja com total liberdade para alcançar o objetivo. Confie em seu corpo e se permita que ele atue sem controle consciente da mente. Nada é forçado; deixe-se levar com segurança e força, avançando em direção ao seu propósito. O Ego 1 precisa deixar o Ego 2 desempenhar o papel principal.




4- Qual é a grande lição que você pode extrair desse acontecimento? Como experimentar esse processo?

 

 

Observe os resultados com calma e sem julgamento, vivencie o processo contínuo de constatação até que o comportamento adotado para realizar as mudanças torne-se automático. Conheça a sua meta, mas deixe de estar emocionalmente envolvido no processo de alcança-la, observe os resultados com serenidade. Fazendo isso, conseguirá mais concentração e maior rapidez no aprendizado.




A reprogramação só é necessária quando os resultados não correspondem à imagem dada. Se corresponderem, é sinal de que é preciso apenas observar continuamente o comportamento que se deseja mudar. Observe a mudança; deixe de fazer a mudança.

 

Quando você se esforça para fazer algo corretamente, e tudo corre bem, há uma certa satisfação do EGO 1. Você sente que está no controle e que é senhor da situação.

 

Quando é o EGO 2 que toma a iniciativa, sem interferência da mente consciente, você tende a sentir-se bem em relação à habilidade do seu corpo e possivelmente até surpreso com os resultados, mas o crédito e o senso de realização pessoal são substituídos por outro tipo de satisfação.

Dizia meu saudoso pai, Jessé Rodrigues, "humildade é sinal de sabedoria" - ele disse e viveu isso.

 

É muito importante termos a consciência de que ao fazermos nossas programações, somos humanos, diferentes de maquinas, temos um coração com neurônios, ouça-o / sinta-o / conecte-o e avance pelo leito do rio em direção ao seu oceano de propósitos.

 

Bem, agora que você já sabe o segredo que os coaches sabem sobre mudança de comportamento, agora que você sabe como é esse aprendizado, se você acha que precisa na sua empresa, na sua liderança, na sua gestão, na sua vida profissional, que a sua empresa precisa investir em mudança de comportamentos, se você quer uma ajuda para isso, conte conosco.

 

Mudar comportamento é possível!

 

Um abraço e até a próxima.

 

 

Roberto César – é colunista do blog da Simplex. www.blogdasimplex.blogspot.com.br

 

Curta nossa fanpage www.facebook.com/simplexgestaodedesempenho

 

Fonte :GALLWEY, W. Timothy. O Jogo Interior de Tênis: uma análise psicológica do jogo de tênis, com percepções valiosas sobre o significado de vencer, para todos os que buscam uma maneira mais eficiente de jogar nos esportes, nos negócios, nas finanças e na vida. São Paulo: TEXTONOVO, 2004.

 

Adaptações por Professor / Coach Roberto César

 

 

 



MAIS ARTIGOS

Não há artigos disponíveis.

Cophyright © 2017 Carreiras & Oportunidades - Grupo Reis. Todos os direitos reservados.
"Tudo posso em Cristo que me fortalece." (Fp 4:13)